Política

Sérgio Moro diz em nota que aceita convite

roda-viva-sergio-moro-20180326-0004

O juiz federal Sérgio Moro, que esteve em reunião com o presidente da República eleito Jair Bolsonaro na residência delê no Rio de Janeiro na manhã desta quinta-feira.

Em Nota Oficial divulgada por Sérgio Moro houve a confirmação da aceitação do convite para ser Ministro da Justiça. O presidente apresentou ao Juiz Moro o novo desenho do Ministério, que passará a ter sob o seu guarda-chuva atribuições além de suas funções atuais, as funções da pasta de Segurança Pública,  a Secretaria da Transparência e Combate à Corrupção, a Corregedoria Geral da União e o Coaf (Conselho de Controle de Atividades Financeiras, hoje na Fazenda).

Também através de suas redes sociais o presidente Jair Bolsonaro disse que:

O juiz federal Sérgio Moro aceitou nosso convite para o Ministério da Justiça e Segurança Pública. Sua agenda anti-corrupção, anti-crime organizado, bem como respeito à Constituição e às leis será o nosso norte!

 Leia a Nota do Juiz Sérgio Moro:

Fui convidado pelo Sr. Presidente eleito para ser nomeado Ministro da Justiça e da Segurança Pública na próxima gestão. Após reunião pessoal na qual foram discutidas políticas para a pasta, aceitei o honrado convite. Fiz com certo pesar, pois terei que abandonar 22 anos de magistratura. No entanto, a pespectiva de implementar uma forte agenda anticorrupção e anticrime organizado, com respeito à Constituição, à lei e aos direitos, levaram-me a tomar esta decisão. Na prática, significa consolidar os avanços contra o crime e a corrução dos últimos anos e afastar riscos de retrocessos por um bem maior. A Operação Lava Jato seguirá em Curitiba com os valorosos juizes locais. De todo modo, para evitar controvérsias desnecessárias, devo desde logo afastar-me de novas audiências. Na próxima semana, concederei entrevista coletiva com maiores detalhes.

Curitiba, 01 de novembro de 2018.

Sergio Fernando Moro

About the author

Allan Ribeiro

Minha história com o jornalismo tem uma trajetória que começou a ser escrita aos 11 anos de idade, quando comecei a representar o jornal O Diário da Manhã.
O fiz por gostar de ler e de estar informado. De entregar o jornal passei a enviar notícias da cidade a serem publicadas.
Ao visitar o jornal, em conversar com o senhor Batista Custódio, surgiu a possibilidade de publicar artigos sobre temas específicos. Foi o que fiz, e ver a repercussão só me incentivou.
Deste ponto passei a publicar também no O Popular. Como a volta do Novo Horizonte ao futebol profissional integrei a equipe da Rádio Xavantes, graças a Deus, naquela oportunidade o time subiu para a divisão de elite.

Add Comment

Click here to post a comment