ELEIÇÕES 2018 Judiciário

Promotor pede o bloqueio de bens do ex-governador de Goiás Marconi Perillo

xMarconi-Perillo.jpg.pagespeed.ic.DR9SwNnmDN

Como forma de garantir o pagamento por supostos prejuízos causados por aumento de diárias e indenização de transportes.

O promotor do Ministério Público de Goiás Fernando Krebs protocolou, na terça-feira (25), uma ação civil pública em desfavor do ex-governador de Goiás e candidato ao Senado, Marconi Perillo (PSDB). Segundo o promotor, Perillo aumentou, em 2017, o valor de diárias e indenização de transportes para o primeiro escalão do governo de maneira irregular. Krebs pede o pagamento de R$ 15 milhões como forma de reparar os prejuízos causados pela medida e coibir práticas dessa natureza. Por isso, solicita o bloqueio de bens de Perillo e de João Mendonca de Furtado, secretário de governo responsável por executar a medida.

Atualização – após a publicação da notícia, a assessoria de Marconi Perillo encaminhou para a reportagem o pedido de arquivamento, feito em julho, de outra ação do Ministério Público cujo objeto é o mesmo da ação proposta nesta semana. Segundo os advogados do tucano, não há “demonstração inequívoca de ilegalidade e de lesividade ao patrimônio público que tenha sido provocada pelo investigado”.

Fonte: coluna Expresso da Revista Época.

About the author

Allan Ribeiro

Minha história com o jornalismo tem uma trajetória que começou a ser escrita aos 11 anos de idade, quando comecei a representar o jornal O Diário da Manhã.
O fiz por gostar de ler e de estar informado. De entregar o jornal passei a enviar notícias da cidade a serem publicadas.
Ao visitar o jornal, em conversar com o senhor Batista Custódio, surgiu a possibilidade de publicar artigos sobre temas específicos. Foi o que fiz, e ver a repercussão só me incentivou.
Deste ponto passei a publicar também no O Popular. Como a volta do Novo Horizonte ao futebol profissional integrei a equipe da Rádio Xavantes, graças a Deus, naquela oportunidade o time subiu para a divisão de elite.

Add Comment

Click here to post a comment