ELEIÇÕES 2018

E agora José?

caiado-eliton-vilela

Segundo o levantamento, Ronaldo Caiado tem 63% da intenção de votos e tem tudo para levar no 1º turno.

Pesquisa Diagnóstico/Diário da Manhã divulgada nesta terça, 11, aponta vitória folgada de Ronaldo Caiado no primeiro turno das eleições para o Governo de Goiás e o resultado foi um grande baque na campanha de José Eliton e Daniel Vilela.

Segundo o levantamento, o senador democrata tem 63% da intenção de votos, caso sejam considerados apenas os votos válidos da pesquisa estimulada.

Considerando brancos, nulos e indecisos, o cenário da estimulada também é expressivamente favorável a Caiado.

Confira o resultado:

  • Ronaldo Caiado: 43,5%
  • José Eliton: 10,2%
  • Daniel Vilela: 8,2%
  • Kátia Maria: 2,9%
  • Alda Lúcia: 1,4%
  • Marcelo Lira: 1,4%
  • Weslei Garcia: 1,2%
  • Branco/Nulo: 18,1%
  • Não Sabe/Não Opina: 12,9%

E agora, José?

Em relação à última pesquisa (Serpes/O Popular) divulgada no fim de semana, Eliton caiu 0,7 ponto percentual, enquanto Caiado subiu 1,2.

O resultado tem frustrado governistas, que acreditavam em uma guinada do governador após o horário eleitoral na TV.

Com quase 40% do tempo de televisão, Eliton não conseguiu diminuir a distância em relação a Caiado e essa dificuldade começa a afastar apoiadores.

Assim, os primeiros a se distanciarem do candidato são os puxadores de votos. Em especial os candidatos que têm mandato.

A maioria dos deputados que são candidatos evita pedir votos para Zé Eliton. Quando pede, o faz sem veemência.

Assim, o grupo de José Eliton errou na articulação política ao priorizar quem não tinha que priorizar.

Além disso, cedeu pouco espaço para grupos que poderiam fazer diferença na sua campanha.

Agora, Eliton corre contra o tempo. Uma disparada para tentar reverter um quadro que demonstra vitória de Caiado no primeiro turno.

Se não tiver melhor desempenho nas próximas pesquisas de institutos sérios, que devem sair nos próximos 10 dias, pode colocar as barbas de molho.

E você, Daniel?

Por sua vez, Daniel Vilela foi de 8,6% (Serpes) para 8,2% (Diagnóstico).

Ele está isolado. Dentro do MDB, o temor que tem se confirmado é de que o apoio de Iris não tem mais aquele peso.

Além disso, o fato de ser muito jovem é apontado como outro complicador.

Apesar da rejeição menor do que dos adversários, ainda é desconhecido do grande público e o tempo que resta para as eleições talvez não seja suficiente para mudar esse cenário.

Fonte: Folha z

About the author

Allan Ribeiro

Minha história com o jornalismo tem uma trajetória que começou a ser escrita aos 11 anos de idade, quando comecei a representar o jornal O Diário da Manhã.
O fiz por gostar de ler e de estar informado. De entregar o jornal passei a enviar notícias da cidade a serem publicadas.
Ao visitar o jornal, em conversar com o senhor Batista Custódio, surgiu a possibilidade de publicar artigos sobre temas específicos. Foi o que fiz, e ver a repercussão só me incentivou.
Deste ponto passei a publicar também no O Popular. Como a volta do Novo Horizonte ao futebol profissional integrei a equipe da Rádio Xavantes, graças a Deus, naquela oportunidade o time subiu para a divisão de elite.

Add Comment

Click here to post a comment